terça-feira, 6 de outubro de 2015

Filme - Review #24 - In Your Eyes


Nome original: In Your Eyes
Duração: 1h46min
Ano: 2014
Gênero: Romance, Comédia, Drama, Fantasia
     

In Your Eyes conta a história de Rebecca e Dylan, duas pessoas completamente diferentes que nasceram, cresceram e vivem longe um do outro, mas que descobrem que são estranhamente conectadas.

Em alguns momentos, principalmente quando se concentram, os dois podem ver com os olhos um do outro em tempo real. Além disso, a voz de cada um é escutada dentro da cabeça do outro quando este fala. É um pouco complicado de explicar escrevendo, mas bem fácil de entender já bem no começo do filme.

Não se sabe como isso acontece e, já devo adiantar, não descobrimos isso durante o filme também (é exatamente por isso que a trama está classificada no gênero fantasia, e não ficção científica).

Rebecca é casada com um médico com quem assumiu compromisso em busca de segurança emocional, enquanto Dylan é um ex presidiário em condicional. Mesmo com suas diferenças gritantes, os dois acabam desenvolvendo, nessa estranha forma de relacionamento, que têm muito em comum.


Coisas as quais eles nunca acharam que sentiriam por alguém, sentem agora um pelo outro e a distância e a forma anormal como se comunicam, acaba trazendo diversas confusões para a vida de ambos.

Gostei muito do Dylan, mas a Rebecca me deixou um pouco irritada em certas situações. A relação entre ela e seu marido ficou um tanto confusa para mim, mas no final tirei a conclusão de que ele a amava de verdade, porém não sabia ouvi-la.

O filme é leve, embora tenha algumas pouquíssimas cenas um pouco mais fortes. Não há nudez total nem sexo explícito, mas algumas partes podem ser um pouco demais para os bem novinhos. Achei a trama bem original, embora já tenham lido uma ou outra coisa com ideia parecida. A fotografia cinematográfica não é das melhores, e, no geral, o filme é bem parado.

No final, parece que falta filme. Acabei por levar em consideração que o propósito era apenas mostrar que um podia ver pelos olhos do outro (e ouvir um ao outro silenciosamente) até o momento em que, finalmente se encontram. Não percebemos tão rapidamente o clímax chegando e quando acabei tive a sensação de que assisti algo, nada mais nada menos, que legalzinho para matar o tempo. Isso me decepcionou um pouco, já que, depois de ler a premissa do filme, esperava bem mais.


Zoe Kazan (que fez Será Que?) e Michael Stahl-David (de Cloverfield: O Monstro), atuaram bem, assim como os demais, não tão focados, atores da trama. Cada um em seu papel conseguiu ser convincente o bastante, embora eu não seja lá tão fã da atuação da Zoe (talvez sejam os papéis que ela interpretam que nunca me agradam tanto).


No geral, eu recomendo o filme, mas não foi algo que me marcou de forma alguma. É interessante, mas não esperem demais.

Beijo e até a próxima!

Resenha por: Lauren

2 comentários:

  1. Oi Lauren, tudo bem?

    Eu não sou tão fã de filmes quanto sou fã de livros. Sou por fora da grande maioria deles. In Your Eyes parece interessante, mas não sei se eu assistiria.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kel!

      É um filme bem interessante. Ando pesquisando se esse filme foi uma adaptação de algum livro, mas até agora não achei nada. Também prefiro ler ao assistir filmes, mas até que gostei desse. É meio para passar o tempo de uma forma legal haha

      Beijos!

      Excluir

« »
© Razões Literárias - 2015. Todos os direitos reservados. Criado por: Lauren Yorres. Tecnologia do Blogger. imagem-logo